Blog

A importância dos exames pré-operatórios para a intervenções de varizes

A importância dos exames pré-operatórios para a intervenções de varizes

Exames pré-operatórios – Se você já fez algum tipo de cirurgia, sabe que o médico solicita uma série de exames antes de realizá-la. Isso é de extrema importância, já que algumas condições clínicas e patológicas podem impedir a realização do procedimento. E, quando falamos de intervenções de varizes, a história não é diferente.

Acompanhe este artigo, entenda por que os exames pré-operatórios são tão importantes para as intervenções de varizes e tire as suas dúvidas sobre o procedimento!

Por que essa etapa dos exames pré-operatórios é importante?

Esse tipo de processo é essencial não apenas para o profissional, que poderá realizar a técnica com mais segurança e com elevadas chances de obter bons resultados, mas, principalmente, para o paciente que terá os riscos reduzidos durante e após o procedimento cirúrgico.

É justamente com os exames em mãos que o médico poderá avaliar se o paciente está apto a realizar o procedimento ou não e quais medidas são necessárias para que a cirurgia aconteça, minimizando os riscos.

E não estamos falando apenas em exames específicos, mas também do quadro clínico do paciente como um todo. Por exemplo, uma pessoa com diabetes precisa de maiores cuidados e atenções durante todo o processo, especialmente no momento da cicatrização pós-cirúrgica.

Quais são os exames pré-operatórios nas intervenções de varizes?

Vejamos, agora, quais são os exames pedidos pelos especialista antes de realizar a cirurgia e a razão pela qual cada um é necessário para a realização da mesma.

1. Hemograma

A partir do exame do sangue, o médico consegue identificar uma série de doenças ou mesmo problemas pontuais que podem atrapalhar o procedimento.

Com o resultado do hemograma é possível analisar se o paciente possui anemia, leucemia, processos inflamatórios e infecções por vírus ou bactérias.

Aqui, ainda serão realizadas 2 análises clínicas: a contagem e a avaliação dos glóbulos vermelhos, chamada de eritrograma, e também o leucograma — avaliação dos glóbulos brancos. A situação plaquetária também é observada.

2. Glicemia

Este exame deve ser feito após um jejum de, no mínimo, 12 horas. Ele é bastante útil para identificar se a taxa de glicose está em equilíbrio e se as células estão conseguindo utilizar essa produção de forma satisfatória.

Segundo a Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia, a taxa normal de glicemia é de 70 a 100 mg/dL.

3. Eletrocardiograma

O eletrocardiograma é um exame rápido e completamente indolor. É essencial para a realização de qualquer cirurgia, já que alterações nesse órgão vital podem colocar em risco a vida do paciente. Se for detectada qualquer alteração, o médico deve fazer o encaminhamento para um cardiologista.

4. Ureia e creatinina

Avalia, basicamente, a sua função renal. Os resultados com valores abaixo ou acima do normal podem indicar uma série de problemas:

  • Valores acima: lesão muscular grave, insuficiência renal, infecção renal, desidratação ou, no caso de gestantes, a pré-eclampsia;
  • Valores abaixo: miastenia graves ou distrofia muscular.

5. Coagulograma

Esse exame mede a taxa de coagulação sanguínea, ou seja, a capacidade que o nosso organismo tem de produzir coágulos para evitar que haja sangramento excessivo, também chamado de hemorragia. Alguns fatores como tempo de sangramento e a quantidade de plaquetas são avaliados.

Agora já sei sobre os exames pré-operatórios. O que fazer no pós-cirúrgico?

Durante o pós-operatório você deve, acima de qualquer coisa, seguir à risca todas as orientações médicas e tomar os medicamentos na hora correta. Como é um procedimento de baixo risco, o paciente já pode receber alta entre 12 a 24 horas após a cirurgia, fazendo uso da meia elástica que será prescrita pelo médico responsável.

Apesar das intervenções de varizes serem mais simples, elas também podem oferecer riscos como, por exemplo, devido aplicação da anestesia. Mas, não precisa se preocupar. Converse com o seu médico e tire todas as dúvidas.

Lembre-se, procure um especialista em Angiologia ou em Cirurgia Vascular e marque sua consulta. Então siga o nosso conselho e não adie mais! Se estiver em Belo horizonte, Nova Lima, Contagem ou em Minas Gerais, segue o nosso contato:

https://www.claudiasathler.com/localizacao-contato/

Consequentemente, você poderá seguir de vitória em vitória, rumo a uma vida com bem estar e qualidade. Também sugerimos que entre no site da Sociedade Brasileira de angiologia e Cirurgia Vascular. Saiba mais sobre a nossa especialidade e sobre a segurança que somente o médico especialista pode oferecer:

http://www.sbacv.com.br/artigos/medicos/origem-e-importancia-da-angiologia

http://www.sbacv.com.br/imprensa/releases/campanha-alerta-para-riscos-de-tratar-varizes-e-vasinhos-nas-pernas-inadequadamente

Se quiser conferir outro artigo sobre a Progressão das Varizes, leia O que são varizes recidivadas? As varizes voltam após o tratamento?

Se você gostou desse conteúdo, volte ao início e avalie com 5 estrelinhas, porém não deixe de curtir e compartilhar. Além disso também queremos também que deixe o seu comentário e sugestão de qual assunto você gostaria que abordássemos aqui. Abraço!

Postado em: Eventos

Deixe um Comentário (0) →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

AGENDE SUA CONSULTA