Blog

Viagens longas: 5 dicas para evitar trombose

Viagens longas: 5 dicas para evitar trombose

O nosso corpo foi feito para se movimentar. Você já deve ter lido em algum lugar ou ouvido falar que pessoas que trabalham por muito tempo sentadas precisam se levantar, pelo menos a cada 1 hora e se mexer um pouco.

O problema é que, durante uma viagem, seja de carro, ônibus ou avião, você não tem a opção de ficar perambulando pelos corredores. Mas, qual é o problema de ficar parado? Além de ganhar uma bela dor de coluna, a circulação sanguínea também fica prejudicada e corre-se o risco do corpo desenvolver a trombose.

O que é trombose?

A trombose venosa profunda (TVP) se caracteriza pela formação de coágulos dentro das veias, prejudicando o fluxo venoso. Na maioria dos casos ocorre nos membros inferiores.

A formação de trombos é mais comum em pessoas que permanecem sentadas por um período muito longo, cerca de 4 horas ou mais, na mesma posição. Em viagens prolongadas, é normal que se passe muitas horas numa única posição, apesar de não ser o mais recomendável. Para evitar complicação em situações como essa, seguem algumas dicas de prevenção para a trombose.

Como prevenir a trombose em viagens longas?

1. Pratique exercícios

Mas durante a viagem? Como pode ser? Esse tipo de exercício é bem simples e você pode fazer sentado mesmo. É uma forma de ajudar o bombeamento sanguíneo que, por conta da gravidade, enfrenta um pouco de dificuldade para “subir” pelas veias para chegar ao pulmão e ao coração.

Você deve fazer o seguinte movimento: com os pés um pouco acima da linha do solo, leve a ponta deles para cima e para baixo, realizando essa repetição por 15 vezes. Aguarde 30 segundos, e faça o mesmo exercício mais 15 vezes. Lembre-se de fazer essa atividade com o máximo de amplitude de movimento que os seus pés conseguirem.

2. Evite roupas apertadas

As roupas apertadas, principalmente as calças, não devem ser usadas nem mesmo no dia a dia, principalmente se você for fazer alguma viagem, seja ela longa ou não. Esse tipo de peça dificulta a circulação sanguínea podendo, em certas circunstâncias, cooperar, juntamente com outros fatores, para a formação de trombos.

3. Levante de vez em quando

Mesmo durante uma viagem, você pode ajudar o corpo a se movimentar um pouco. Em viagens de avião você pode ir ao banheiro de tempos em tempos e, se for de ônibus, você pode aproveitar as paradas nas rodoviárias para descer e circular um pouco até a partida.

4. Use meias de compressão

Quem sofre com as varizes sabe que as meias de compressão são ótimas para acelerar o fluxo do sangue pelos vasos. Durante as viagens, essas meias, desde que seja sob orientação médica, podem ser uma boa opção, ainda que você não tenha um problema evidente em suas veias.

5. Procure um médico

Se você já tem alguns dos fatores de predisposição para a formação de coágulos como varizes, obesidade, uso de hormônios ou é gestante, entre outros, pode marcar uma consulta com o médico antes de viajar. Ele saberá qual a melhor medida preventiva no seu caso particular.

Por que a trombose deve ser prevenida?

O problema da trombose não se limita à formação do trombo em si, mas inclui o risco de que ele vá parar em locais vitais. Por exemplo, ele pode ocluir a passagem do sangue no pulmão, causando a embolia pulmonar e se tornar um problema muito mais grave.

Quer saber mais sobre trombose e outros problemas circulatórios? Então siga-nos nas redes sociais — Twitter e Facebook — e fique por dentro de todas as novidades!

Postado em: Eventos

Deixe um Comentário (0) →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

AGENDE SUA CONSULTA